Luzes, câmara, ação! Atrás das câmaras!

 

No mundo da Comunicação,  para transmitirmos a nossa mensagem, muitas vezes temos de nos colocar em frente a uma câmara. O problema é quando isso nos põe a tremer de medo… mas não tem de ser assim! Hoje, no vídeo novo da rubrica Nem Entra Mosca nem Sai Asneira, conto-lhe mais um dos meus segredos para comunicar melhor: como transformar a assustadora câmara na sua melhor amiga!

Hoje em dia, cada vez mais, o entretenimento vai chegar-nos através de meios digitais (e não apenas pelos meios tradicionais). Isto significa que todos aqueles que querem ser comunicadores têm de perder o medo – não só de falar em público, mas também o medo das câmaras. Todos podem – e devem! – fazer vídeos e partilhar com os outros aquilo que tem para contar e ensinar, tal como eu. Concorda?
Mas, para tal, não pode dizer, como alguns dos meus alunos me diziam: “Eu não sou capaz! Eu tenho muito medo da câmara, porque ela fica a olhar para mim!” Como se a câmara fosse um olho grande, sempre a crescer… E as pessoas à sua frente? Sempre a encolher!

Como é que esse medo desaparece? É simples! Tem de tornar a câmara na sua melhor amiga. Goste dela, e ela vai gostar de si! Aliás, até se diz que quando as câmaras gostam de uma pessoa é porque essa pessoa é boa comunicadora.
O problema, quando olha para uma câmara – seja ela pequena, grande, ou até de um telemóvel -, é começar a imaginar quem está do outro lado. Quem o está a ver agora, se for um direto, quem o vai ver daqui a pouco… E o que é que acontece? Começa a perceber que, do outro lado, estão muitas pessoas e começa a ter medo da crítica. Mais uma vez repito: faça com que a câmara seja sua amiga!

Assim, quando estiver a olhar para a câmara, imagine que é um espelho: olhe-se, sorria, diga coisas queridas… E quando der por ela, tem na câmara a sua maior amiga enquanto comunicador – em vez de uma temida inimiga.
Nunca se esqueça! A câmara é sua amiga – e minha também! É tão minha amiga que me está a ajudar a gravar o meu novo programa, o Dia C, um programa de televisão, mas para o mundo digital.

Gosta da ideia e quer ver mais? Quer aprender como é que se conquista a câmara e faz com que ela goste de si? É simples! Tão simples como clicar aqui em baixo e ver o meu novo vídeo da Casa da Teresa. Beijinhos!

E já agora veja também...