Shares

Como escolher a cor certa para vestir na ocasião certa – O impacto das cores

As pessoas expressam-se de várias maneiras, mas a cor e o estilo das nossas roupas é, provavelmente, o mais evidente. Não só nos protegem, como também fazem um statement visual sobre como nos vemos a nós próprios. O nosso vestuário ajuda-nos a definir quem somos. Dá-nos confiança quando sabemos que estamos com um bom aspeto, mas pode também diminuir esta confiança quando usamos as roupas, cor ou estilo errados.

Somos rodeados pela cor. O céu azul, folhas verdes, terra castanha, tijolos vermelhos e alcatrão preto são alguns exemplos de objectos que são facilmente visualizados pelo nosso cérebro com base na sua cor. Psicólogos mostraram que a cor ajuda a processar e armazenar informação visual de forma mais fácil do que experiências sem cor. Além disso, todas as cores têm o seu poder psicológico, cada uma numa maneira diferente. Sabendo isto, podemos usar as cores de forma a influenciar as nossas vidas, o nosso visual e o nosso estado de espírito! Basta saber escolher a cor certa.

O poder da cor

Ao usar certas cores, podemos influenciar o nosso estado de espírito! A cor influencia a maneira como se sente e como se apresenta. Cores claras dão energia enquanto cores mais escuras podem retirar essa energia. Pode ficar mais bem-disposto com o uso de amarelo claro e laranja, enquanto cores mais escuras, como castanho e verde-escuro são quentes e confortáveis. O primeiro passo é saber quais as cores que nos favorecem, pois elas influenciam o nosso aspeto. Há cores que nos ficam melhor do que outras. Isto tem a ver com a nossa coloração natural, ou seja, a cor da nossa pele, olhos e cabelo. As cores certas dão harmonia entre estas cores que temos naturalmente e as cores que usamos, principalmente aquelas junto ao rosto, devido à sua reflexão na pele. As cores erradas dão-nos um aspeto pálido ou, até, às vezes, doente! Numa consulta de cor irá descobrir quais são as suas melhores cores para utilizar no vestuário, acessórios e maquilhagem e como combinar entre elas. Quando usa cores que estão em harmonia com a sua coloração natural, terá um visual mais jovem, elegante e até mais saudável.

Por exemplo:

Se tem cabelo castanho-escuro, uma pele dourada e olhos castanhos, cores quentes, vibrantes e escuras, como o preto, vermelho, laranja, amarelo e castanho-escuro ficam-lhe bem. Se tem cabelo branco, uma pele mais rosada e olhos castanhos ou azuis, cores chamadas ‘frias’ como fúchsia, azul-escuro e cinzento-escuro ficam-lhe bem;

Se tem cabelo loiro e uma pele clara, cores claras e médias são a melhor opção, como a toupeira, azul petróleo e rosa salmão. Cores demasiado escuras não são uma boa opção neste caso, pois ‘pesam’ demasiado junto ao rosto e chamam imensa atenção; 

A palete de cores definida numa consulta não é estática, pois ao longo da nossa vida as nossas cores naturais alteram-se. Por exemplo, as cores que ficam bem com cabelo branco são diferentes das com cabelo castanho. As cores, muitas vezes, mudam da mais forte para cores mais suaves;

As cores podem, também, influenciar a perceção do volume do nosso corpo. Se quer parecer mais magro, use cores mais escuras, de preferência na parte superior e inferior do corpo, ou na zona que quer disfarçar. Se o seu problema é o contrário, portanto, se quer parecer mais forte, use cores mais claras. 

Escolher a cor certa para cada ocasião

Use as cores do seu vestuário para otimizar a comunicação com as pessoas à sua volta.

 Se quer ganhar consenso no trabalho, evite usar preto e cinzento-escuro, mas opte por cores médias, como azuis, verdes, castanhos e camels que são consideradas cores ‘sem julgamento’ e simpáticas;

Em vez de um vestido de noite preto pode usar um vestido em roxo ou turquesa escuro, que mostra muito mais imaginação e um gosto individual.

A próxima vez que alguém lhe perguntar se se sente mal ou se está pálido, questione-se se está a usar a cor errada junto da sua cara.

Significado das cores

Descubra o significado da sua cor preferida e o que pode dizer sobre si.

Preto/cinzento: cor da autoridade, alguém com opinião e disciplina. Pode, também, significar falta de criatividade e pouca autoconfiança, pois pode implicar que alguém se ‘esconde’ atrás da cor. Use quando precisa de mostrar autocontrolo e autoridade;

Castanho: cor da terra, ideal em situações descontraídas. Transmite simpatia, com pés no chão e com uma atitude séria. Também é a cor da protecção e do desejo de querer ser aceite por toda a gente;

Bege: cor ideal para substituir o preto e castanho no Verão. É uma cor não agressiva, simpática e ajuda a aproximar-se de outras pessoas. Ideal para quem tem empregos na área de coaching ou recursos humanos, onde uma boa relação é essencial. Desaconselha-se usar o bege sem outra cor mais viva;

Branco: significa frescura e pureza espiritual. Mostra uma personalidade positiva, equilibrada, otimista e individualista;

Azul: cor da lógica, activa a mente. Simboliza confiança, paz e ordem. Pode, também, significar autoridade;

 Cor-de-rosa: sugere simpatia e empatia, dá o toque feminino. Pode, também, significar pouca confiança e dependência;

Roxo: simboliza criatividade, sensibilidade e autocontrolo. Pode significar arrogância e individualismo;

Vermelho: cor da energia. Dá autoconfiança e autocontrolo. É a cor de estimulação e mostra uma personalidade forte. É também uma cor agressiva e pode significar alguém com carácter dominante e impaciente; 

Verde: sugere calma e simpatia. Também pode significar imaturidade e uma pessoa cautelosa que não confia nos outros facilmente.


Manon Alves
Consultora de Imagem – Colour me Beautiful
manon.alves@cmb.com.pt
www.cmb.com.pt
www.facebook.com/ColourMeBeautifulPortugal

Shares

E já agora veja também...

Pin It on Pinterest